Carrinho de atualização

LojasvgSeu carrinho atualmente está vazio. Você pode visitar a nossa loja e começar a fazer compras.

Carregamento
svg
Aberto
svg0

Celebre o Choro: Projeto Especial “Choraço” no Sesc 24 de Maio

15 de abril de 202414 min de leitura

Uma homenagem ao gênero musical com grandes nomes da música brasileira celebrando as sonoridades tradicionais e contemporâneas do Choro brasileiro de 23/4 a 5/5 

Em abril, mês de nascimento de Pixinguinha (23/04), um dos maiores expoentes do Choro brasileiro, também é celebrado o Dia Nacional do Choro e o Sesc 24 de Maio comemora essa data com o projeto especial “Choraço”. Trazendo artistas como Alexandre RibeiroCarmen Queiroz, Hamilton de Holanda, Yamandu Costa, Nilze Carvalho, Wanderléa, entre outros. Serão, ao todo, quatorze atrações até 5/5. Ingressos para os shows à venda a partir de 16/4 em sescsp܂org܂br/24demaio e nas bilheterias da rede Sesc SP a partir de 17/4.

O Choro surge na música brasileira no final do século 19, na cidade do Rio de Janeiro, como uma manifestação urbana, criado a partir de elementos de dança de salão, música popular portuguesa e africana. Mas diferente de outras sonoridades dessa mesma categoria, como o Samba, é considerado aquele que mais se aproxima da música erudita, tendo como uma de suas características o lirismo, a valorização da forma, certa sofisticação de arranjos e instrumentação por parte da/o compositor/a.

A identidade do choro enquanto gênero, no entanto, assumiu diversas novas tendências nas manifestações contemporâneas, com influências do próprio samba, valsa, polca, jazz, refletindo uma característica tradicional.

Em 29 de fevereiro, o choro foi reconhecido como Patrimônio Cultural Imaterial do país, pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). Ao propor uma série de shows de conjuntos e artistas solistas dedicados ao gênero, o Sesc 24 de Maio celebra a valorização da produção atual do choro, seja ela mais próxima da sonoridade tradicional, ou inclinada à música de concerto e outras roupagens contemporâneas.

Alexandre Ribeiro & Quinteto de Cordas

Na primeira parte desta apresentação, Alexandre Ribeiro realiza uma apresentação solo e, na segunda parte, convida um quinteto de cordas formado por Amanda MartinsSung Eun ChoMaria Angélica CameronSarah Nascimento e Jin Joo Doh, integrantes da Osesp. Juntos, vão tocar a belíssima suíte “Obrigado, Pixinguinha”, com cinco movimentos, composta por Alexandre Ribeiro e com arranjo de Tiago Costa.

Serviço: 23/4, terça, às 20h. No Teatro (1º subsolo). Classificação: 12 anos. Ingressos: R$50 (inteira), R$25 (meia) e R$15 (credencial plena), à venda em sescsp܂org܂br/24demaio e nas bilheterias do Sesc SP.

Carmen Queiroz

Considerada uma das belas vozes da MPB e com 40 anos de carreira, Carmen Queiroz é especialista no gênero Choro. Nesta apresentação, ela convida dois parceiros musicais de longa data, os cantores Lula Barbosa e Maria Martha que, como Carmen, têm uma forte relação com o Choro. O repertório apresenta a poesia de compositores letristas tradicionais, como Catulo da Paixão Cearense e Bello de Carvalho.  

Serviço: 24/4, quarta, às 20h. No Teatro (1º subsolo). Classificação: 12 anos. Ingressos: R$50 (inteira), R$25 (meia) e R$15 (credencial plena), à venda em sescsp܂org܂br/24demaio e nas bilheterias do Sesc SP.

Hamilton de Holanda

Neste espetáculo, Hamilton se junta a Salomão Soares, nos teclados, e Thiago “Big” Rabello, na Bateria, para nos contar se existe e onde está o limiar do choro e o jazz dentro do repertório da Música Brasileira. Mostrando as semelhanças musicais, rítmicas e melódicas desses gêneros considerados primos queridos dentro da programação do Choraço.

Serviço: 25 e 26/4, quinta e sexta, às 20h. No Teatro (1º subsolo). Classificação: 12 anos. Ingressos: R$60 (inteira), R$30 (meia) e R$ 18 (credencial plena), à venda em sescsp܂org܂br/24demaio e nas bilheterias do Sesc SP.

Choro da Leste + Regional Mateus Santos

Regional Mateus Santos e Choro da Leste são coletivos que nasceram na periferia da zona leste de São Paulo, com intuito de formar e propagar a linguagem do choro de forma ampla e inclusiva. Unidos nessa roda, jovens musicistas reverenciam e relembram grandes referências do gênero, como PixinguinhaChiquinha Gonzaga, Jacob do bandolim e outros, celebrando as continuidades da escola do choro.

Serviço: 27/4, sábado, às 15h. No Jardim da Piscina (11º andar). Classificação: Livre. Grátis 

Yamandu Costa 

Chorando por Amizade é um show inédito, em homenagem ao choro, esse gênero tão importante, especial e de origem brasileira. As músicas escolhidas passam por clássicos de Ernesto NazarethJoão PernambucoPixinguinha e outros compositores que marcaram a história e são a cara deste tipo de música no Brasil.

Serviço: 27 e 28/4, sábado às 20h e domingo. No Teatro (1º subsolo). Classificação: 12 anos. Ingressos: R$60 (inteira), R$30 (meia) e R$18 (credencial plena), à venda em sescsp܂org܂br/24demaio e nas bilheterias do Sesc SP.

Baile do Barão – Com Barão do Pandeiro & Regional 

Barão do Pandeiro nasceu e foi criado no meio do Choro e do Samba carioca. Desde então passou a tocar o instrumento que incorporou seu nome aos cinco anos de idade, tendo por inspiração João da Baiana. Cantor e ritmista, conviveu e acompanhou grandes nomes da música popular brasileira, como Nelson CavaquinhoClementina de JesusZé KétiPaulo Vanzolini e Cristina Buarque de Holanda.

Serviço: 28/4, domingo, às 15h. No 5º andar. Classificação: Livre. Grátis

60 Anos de Choros Imortais

60 Anos de Choros Imortais: Tributo a Altamiro Carrilho celebra um dos discos mais aclamados de Altamiro. Gravado com o histórico Regional do Canhoto, em 1964, o álbum permanece como obra referencial para chorões e choronas do Brasil e do exterior. O show conta com as participações dos seguintes solistas: Morgana MorenoAndrea Ernest Dias e Toninho Carrasqueira.

Serviço: 30/4 e 1/5, terça às 20h e quarta às 18h. No Teatro (1º subsolo). Classificação: 12 anos. Ingressos: R$50 (inteira), R$25 (meia) e R$ 15 (credencial plena), à venda em sescsp܂org܂br/24demaio e nas bilheterias do Sesc SP.

Choro da Quitanda

Grupo formado 2016 por seis jovens instrumentistas que se encontravam frequentemente no centro de São Paulo, promovendo e participando de rodas de choro. Com suas múltiplas referências, o grupo aproveita uma instrumentação característica de choro para desenvolver um repertório com novas linguagens e sotaques.

A proposta da apresentação e de música e dança para bebês, crianças e seus adultos de referência, no dia. Nessa ocasião, faremos um baile de choro!

Serviço: 1/5, quarta, às 14h. No Espaço de Tecnologias e Artes (4º andar). Classificação: Livre. Grátis 

Choro Interior 

Para essa apresentação, 11 músicos do estado de São Paulo se reúnem para criar a maior roda de choro interior paulista. O grupo é composto por representantes das cidades de Bauru, Ribeirão Preto, Leme, Araraquara, São Carlos e Lençóis Paulista. No repertório trarão canções como a Rosa e Lamentos (Pixinguinha), Noites Cariocas e Doce de Coco (Jacob do Bandolin).

Serviço: 2/5, quinta, às 20h. No Teatro (1º subsolo). Classificação: 12 anos. Ingressos: R$50 (inteira), R$25 (meia) e R$15 (credencial plena), à venda em sescsp܂org܂br/24demaio e nas bilheterias do Sesc SP.

Nilze Carvalho

Em celebração aos 40 anos da série de LPs “Choro de menina”, a cantora, instrumentista e compositora, Nilze Carvalho, criou um espetáculo instrumental, voltando às raízes, ao lado do seu cavaquinho e bandolim, em um repertório comemorativo à toda a série e acompanhada por um tradicional regional de choro.

Serviço: 3/5, sexta, às 20h. No Teatro (1º subsolo). Classificação: 12 anos. Ingressos: R$50 (inteira), R$25 (meia) e R$15 (credencial plena), à venda em sescsp܂org܂br/24demaio e nas bilheterias do Sesc SP.

Vitor Lopes e convidados

Nesta roda, os músicos e musicistas convidados vão interpretar choros de grandes nomes do estilo como Chiquinha GonzagaErnesto NazarethAnacleto de MedeirosJoaquim CalladoJoão PernambucoZequinha de Abreu, Jacob do BandolimPixinguinha, dentre outros.

Serviço: 4/5, sábado, às 15h. No Jardim da Piscina (11º andar). Classificação: Livre. Grátis.

Wanderléa canta choros 

A escolha de Wanderléa por explorar os chorinhos em seu novo disco é um testemunho de sua maturidade artística e dedicação à música brasileira. Sua interpretação única e genuína dessas melodias clássicas traz um frescor e uma energia renovada ao gênero, conquistando tanto os amantes dos chorinhos tradicionais quanto aqueles que estão sendo apresentados a essa forma de arte pela primeira vez.

Serviço: 4 e 5/5, sábado, às 20h e domingo às 18h. No Teatro (1º subsolo). Classificação: 12 anos. Ingressos: R$50 (inteira), R$25 (meia) e R$15 (credencial plena), à venda em sescsp܂org܂br/24demaio e nas bilheterias do Sesc SP.

Água de Vintém

Em arranjos próprios que misturam a espontaneidade e improvisos, típicos de uma boa roda de choro, os instrumentistas visitam páginas desconhecidas de compositores do século XIX e mostram que a riqueza e profundidade da obra de mestres como Ernesto NazarethErothides de CamposBonfiglio de Oliveira e Mário Álvares.

Serviço: 5/5, domingo, às 15h. No Jardim da Piscina (11º andar). Classificação: A12. Grátis.

 

Sobre o Projeto Choraço

Inaugurado em 2019 na unidade Sesc 24 de Maio, o projeto Choraço busca oferecer aos públicos um panorama do gênero na atualidade. A curadoria inclui artistas e grupos que fazem referência à história do Choro e seus personagens: as obras de Joaquim CaladoChiquinha GonzagaPixinguinhaIzaías e seus Chorões dentre outras figuras essenciais para a música popular brasileira são celebradas a partir de arranjos e interpretações contemporâneas. Paralelamente às apresentações, o projeto inclui atividades formativas que investigam a diversidade estética do Choro, tanto a partir da história, quanto por meio de estudo dos instrumentos e suas possibilidades expressivas.

Acompanhe nossas redes:

facebook܂com/sesc24demaio

instagram܂com/sesc24demaio

sescsp܂org܂br/24demaio

Sesc 24 de Maio

Rua 24 de Maio, 109, Centro, São Paulo

350 metros do metrô República

Fone: (11) 3350-6300

Como você vota?

0 People voted this article. 0 Upvotes - 0 Downvotes.

Matheus Barbosa

Matheus Barbosa, aos 23 anos de idade, é um colaborador e influenciador do portal POPITO, especializado em entretenimento e cultura pop. Nascido com uma paixão inata pela arte e pela criatividade, Matheus encontrou sua vocação na comunicação e no compartilhamento de conteúdo relevante com o público.

svg

O que você acha?

Mostrar comentários / Deixe um comentário

Deixe uma resposta

Carregamento
svg